fbpx

Passo a passo para ter uma parede lousa!

4 minutos para ler

Renovar os ambientes da sua casa nunca foi tão prático. A parede lousa é o espaço ideal que permite um infinito de possibilidades para a sua decoração, mesclando palavras estilizadas a mão livre com desenhos coloridos de giz em todo o fundo preto.

Em alguns casos, essa arte pode ser representada nas formas de mural de família, lembrete de compras para supermercado, calendário e agendador de tarefas. Mas independentemente de todas essas funcionalidades, a decoração em si certamente já vai ser motivo de elogio de muita gente que visita o seu lar.

Como o giz é removido da lousa com facilidade, o uso de um simples pano úmido é capaz de apagar tudo o que foi feito e, talvez, seja essa a maior vantagem desse tipo de decoração. Afinal é uma arte que se sempre se transforma e dá cara nova ao ambiente.

1. Defina o local mais adequado

Não basta escolher de forma aleatória uma parede da sua casa para fazer dela um quadro gigante. É preciso verificar um cômodo de boa iluminação, a cor ideal para aquele ambiente, já que a tinta escura tende a deixar o local mais pesado.

No caso de um quarto infantil, por exemplo, procure harmonizar essa decoração com objetos mais coloridos. Se for preciso, diminua o tamanho da lousa para tornar o cômodo menos escuro e mais leve para as crianças.

2. Use papel contact

É o mais prático de todos os modelos de lousa e funciona como um adesivo para a parede. Não se esqueça que a cor do papel precisa ser preto fosco, pois só assim será possível que o giz rabisque na lousa.

Começando a colagem de cima para baixo, tenha em mãos uma espátula de silicone ou um pano úmido para evitar o surgimento de bolhas de ar. Ao colar tudo, use um estilete para cortar as partes que excederam o tamanho da parede.

3. Escolha a tinta certa

Para que o giz apareça nitidamente no preto da parede, a tinta precisa ser fosca e deve apresentar uma coloração bem mais escura. Antes de pintar, proteja o chão, os móveis e o restante das paredes com fita crepe, lonas e jornais. Depois disso, é hora de colocar a mão na massa!

Mas não se esqueça das luvas para você não se manchar. Despeje uma pequena quantidade de tinta na bandeja e comece pintando a parede com o rolo de espuma. Para finalizar os cantos da parede e as áreas em que o rolo não alcança, utilize pinceis pequenos. Quando secar, verifique se a parede necessita de mais uma mão de tinta e faça esse controle a cada 8 horas após a última demão.

4. Opte por uma lousa magnética

O preparo consiste basicamente do mesmo para a tinta fosca preta, mas neste caso, a quantidade de camadas de pintura não é só para uniformizar toda a cor da parede. A tinta magnética possui partículas de ferro em sua composição, possibilitando decorar a parede com imãs e fotos em geral. Dependendo da tinta, em torno de 2 camadas já se torna o suficiente para garantir a sustentação dos imãs na parede.

5. Decore sua lousa parede

Parede finalizada, agora é hora de decorá-la. Então escreva, desenhe, prenda fotos da sua família com imãs e dê cores à sua imaginação. Se não ficou bonito, apague. Customize e personalize toda a decoração de dentro da lousa de forma com que a parede ganhe identidade. Explore sua criatividade!

Viu como é simples e prático ter a sua parede lousa? Compartilhe este post nas redes sociais e inspire seus amigos também!

Posts relacionados

Deixe um comentário