fbpx

O que vale mais a pena: casa ou apartamento? Veja dicas!

6 minutos para ler
Não importa se você já juntou dinheiro suficiente, se vai financiar um imóvel ou se ainda está apenas pensando sobre o assunto: acertar na hora de investir no mercado imobiliário é uma ação que pode ter impacto positivo durante anos ou mesmo décadas! Por isso, é muito importante saber escolher entre casa ou apartamento!

As duas alternativas oferecem suas vantagens, mas o fato é que você precisa entender qual delas atende melhor às suas expectativas, às demandas da sua família e até as necessidades que o estilo de vida atual impõe em nossas rotinas. Continue lendo e descubra como fazer isso!

Vantagens e desvantagens de morar em apartamento

Para te ajudar na decisão entre casa ou apartamento, vamos enumerar algumas das maiores vantagens e desvantagens de morar em apartamento. Confira abaixo!

Maior segurança

Uma das vantagens que mais chama a atenção das pessoas que estão em busca de morar em um condomínio fechado é o ambiente seguro. Nos dias de hoje, em que boa parte dos maiores centros urbanos ainda enfrentam problemas de segurança, esse acaba sendo um diferencial extremamente importante.

A portaria, por exemplo, costuma funcionar 24 horas por dia, com funcionários bem treinados para monitorar e ajudar em qualquer situação. Também é comum a instalação de câmeras de monitoramento em pontos estratégicos.

Instituição de condomínio

Outra das maiores vantagens de morar em apartamento é a instituição de um condomínio. De forma geral, trata-se de um tipo de empreendimento residencial no qual algumas ruas ou edifícios estão dispostos em conjunto, com regulamentação própria e controle de acesso, de pessoas e veículos, aos espaços internos.

Vale ressaltar que, quando o projeto é concretizado por uma empresa de qualidade, geralmente a composição é feita por imóveis de alto padrão e com um estilo definido. Além de funcionários disponíveis para ajudar, outro ponto alto são as áreas de lazer, com contam com piscinas, quadras, academias de ginástica e assim por diante.

Mais praticidade

Existem muitos pontos que fazem com que o morador de um condomínio fechado tenha mais praticidade no seu dia a dia. Como o espaço interno costuma contar com espaços de lazer e entretenimento, você não precisará perder horas no trânsito da cidade toda vez que quiser ir ao clube ou à academia de ginástica.

Para quem gosta de fazer eventos ou receber os amigos, também há um grande benefício. Usualmente, esses empreendimentos contam, por exemplo, com área de churrasqueira, para reunir os amigos para uma celebração. Enquanto isso, as crianças podem se divertir na piscina, na quadra poliesportiva ou no playground!

Regras de convivência

Um fator que pode ser apontado por algumas pessoas como uma desvantagem de morar em um condomínio fechado é a estipulação de regras de convivência. Em linhas gerais, elas são definidas a atualizadas em assembleia, servindo como uma espécie de guia de boa convivência para os moradores e visitantes.

Essa é uma questão um pouco ambígua, uma vez que a normatização, nesse caso, pode ser positiva para garantir os direitos e deveres dos residentes. No entanto, não podemos desprezar que isso pode não agradar o estilo de vida de alguns, visto que algumas alterações e comportamentos podem ser até proibidos.

Vantagens e desvantagens de morar em casa

Agora que você já está um pouco mais familiarizado com as características de um apartamento em condomínio, vamos falar sobre as maiores vantagens e desvantagens de morar em casa. Veja abaixo algumas delas!

Maior liberdade

Para algumas pessoas, morar em uma casa é algo que confere mais liberdade e esse é um diferencial importante. Quando você é o único dono do espaço, fica mais simples fazer alterações ou se comportar como você bem entende, sem ter que dar satisfação para ninguém ou seguir as normatizações do condomínio.

Isso confere, por exemplo, autonomia para decidir fazer reformas ou obras, sem precisar pedir permissão para o síndico ou assembleia. Para quem gosta de um número muito alto de animais de estimação, essa pode ser a única alternativa viável, uma vez que os vizinhos estarão mais distantes e menos propensos a reclamar.

Custos extras

Ao mesmo tempo em que você é o único dono do local em que vive, morar em uma casa faz também com que você tenha que arcar com toda e qualquer despesa que surgir. Isso quer dizer, por exemplo, que caso você queira instalar uma câmera de monitoramento ou um alarme, o dinheiro sairá somente do seu bolso.

Além disso, como proprietário exclusivo, é você que deverá se responsabilizar pelas manutenções, o que pode vir a gerar tarifas inesperadas. Dessa forma, é interessante até mesmo contar com uma reserva financeira extra para uma eventualidade, de forma que você consiga resolver os problemas quando surgirem sem se enrolar em outras complicações.

O que considerar antes de mudar?

Você precisa tomar uma decisão importante antes de planejar a mudança, não é mesmo? Portanto, para escolher com sabedoria entre uma casa ou um apartamento, você deve analisar friamente os itens anteriores. É preciso cruzar suas próprias demandas, expectativas e necessidades com o que o seu dinheiro permite.

A importância do planejamento prévio na hora de buscar um imóvel e sair do aluguel é fundamental e você deve atentar para detalhes como localização, estabelecimentos próximos, segurança e assim por diante. No entanto, não dá para negar que, via de regra, os condomínios oferecem vantagens bem interessantes.

Para encontrar a residência dos seus sonhos, você precisa de olhos atentos e um pouco de estratégia. Sair do aluguel para o imóvel próprio é um passo muito positivo na vida de qualquer pessoa e saber escolher entre casa ou apartamento é essencial para isso, de forma que você tome a decisão mais sábia para você e quem você ama!

Agora, você se sente mais preparado para escolher entre casa ou apartamento? Quer contar com uma empresa com a mais alta qualidade do mercado e total expertise no segmento? Então, não perca mais tempo e entre em contato conosco agora mesmo!

Posts relacionados

Deixe um comentário