INCC: entenda o que é, como calculá-lo e porque influencia na parcela do financiamento

  • Home
  • Dicas
  • INCC: entenda o que é, como calculá-lo e porque influencia na parcela do financiamento

Na hora de comprar seu imóvel, um mundo novo de terminologias e processos são descobertos ao longo do caminho. Isso pode assustar quem é novo no assunto, mas a verdade é que nada é tão difícil quanto parece. Essa jornada pode até ser um pouco trabalhosa, mas é muito menos complicada do que você imagina.

 

Se você está em busca do seu imóvel próprio, já se deparou com diferentes opções de moradia, tipos de financiamento, taxas, escritura, processos para registro da propriedade, além de cálculo de ITBI e se é possível usar seu FGTS ou não.

 

Como falamos, a lista é longa. Mas hoje a nossa conversa será sobre o INCC! Você já ouviu falar sobre ele?

 

O INCC (Índice Nacional de Custo e Construção) é um índice que observa a variação do custo da construção habitacional. Nem sempre ele é mencionado na hora das negociações, mas é um item muito importante para quem deseja financiar o imóvel. Isso porque influencia na parcela dos financiamentos de imóveis. 

 

Esse índice mede a variação do custo dos insumos utilizados nas construções habitacionais e é calculado mensalmente pela Fundação Getúlio Vargas (FGV). É usado para reajustar as parcelas dos contratos de compras de imóveis durante a fase de construção e por isso é corrigido mensalmente. 

 

Como é calculado?

O índice se compõe pela média ponderada dos dados coletados nas sete cidades analisadas, sendo uma combinação de um sistema de preços com um sistema de pesos. O cálculo do INCC leva em consideração o custo de materiais, equipamentos, serviços, mão de obra e tecnologias para a construção civil nas capitais: Rio de Janeiro, São Paulo, Brasília, Recife, Belo Horizonte, Salvador e Porto Alegre. O custo dos materiais é dividido em três grupos: estruturais, instalações e acabamentos.

 

Como influencia na parcela do financiamento?

Quem decide financiar um imóvel na planta não está apenas comprando um apartamento. Está também financiando a construção do empreendimento. Por isso, a variação dos custos dos materiais utilizados sofre reajustes e muda o valor da parcela. E aí o INCC é usado para reajustar o saldo devedor durante essa fase.

 

Lembramos que este índice não são juros e nem pode ser cobrado como tal. Ele apenas corrige o valor restante com o intuito de ajustá-lo à variação dos custos da obra. Para calculá-lo, é bastante simples. Apenas basta aplicar o índice (de acordo com a tabela do INCC) no saldo devedor.

 

Pronto! Agora você já sabe mais uma parte do processo de financiar um imóvel. Não deixe de visitar o nosso site e conhecer os nossos empreendimentos. São muitas opções incríveis no interior de São Paulo, nas cidades de Bauru, Ribeirão Preto, Araraquara, Piracicaba, Franca e São José do Rio Preto. Temos a certeza de que você vai encontrar o Bild que mais combina com seu estilo de vida.

Deixe um comentário

Share This